História

Santa Casa da Misericórdia de Valpaços – Breve resenha histórica


A história da Santa Casa da Misericórdia de Valpaços esteve, desde 1945, associada ao hospital, iniciado ainda no século XIX. Com efeito, é na referida data que surge a Associação Beneficente Municipal da Misericórdia de Valpaços a substituir a sua antecessora Associação Beneficente Municipal de Valpaços de que herdou todos os bens, fundos e valores e acolhendo como irmãos todos os sócios da anterior e extinta Associação.

Mas é só em 24 de Novembro de 1946, por deliberação tomada em assembleia geral da Associação Beneficente Municipal da Misericórdia de Valpaços, e por proposta do irmão Joaquim de Castro Lopo que a associação se passa a denominar Misericórdia de Valpaços, sendo nessa mesma assembleia aprovados os estatutos do “Compromisso” da Misericórdia.

A homologação dos mesmos acontece por despacho do Subsecretário de Estado da Assistência Social, a 28 de Agosto de 1947. Desde então, desempenharam, por ordem cronológica, o cargo de Provedor, as seguintes individualidades: Sr. Jaime Saraiva Martins; Dr. Manuel Moutinho; Padre Manuel Torrão Mesquita; Sr. Aires Pereira Lage; Eng. Luís de Castro Saraiva; Eng. Mário Ferreira de Almeida; Sr. Amílcar Alves da Costa; Sr. Policarpo Teixeira da Costa Matos; Prof. José Ferreira Teles; Prof. José Ribeirinha Machado; Sr. Eugénio José Morais e Dr. Altamiro da Ressurreição Claro.

Actualmente, a instituição conta com nove Estruturas Residenciais para Idosos: Drª Maria Perpétuas Fins Tavares – Lebução; ERI de Friões; ERI de Santiago de Ribeira de Alhariz; ERI de Carrazedo de Montenegro; ERI de Argeriz; ERI do Bilhão; ERI Maria Ribeiro & Ricardo Mourão – Valpaços; ERI Francisco António Teixeira e ERI de S. José. Dispõe ainda de uma Creche e ensino Pré-escolar, bem como de uma Quinta – NSª do Carmo, em Valverde onde se cultivam produtos da terra, com destaque para a vitivinicultura.

A Santa Casa da Misericórdia de Valpaços, com as valências de estruturas residenciais, com Centros de Dia, Serviço de Apoio Domiciliário e Cantinas Sociais, bem como a Creche e ensino pré-escolar abrange actualmente um total de 666 utentes, possuindo 217 funcionários.